Depoimento do adotante: Lucca

Nós, aqui do Adote um Ronrom, ficamos sempre orgulhosos e emocionados com cada história com final feliz que presenciamos. A cada resgate que realizamos, a cada história difícil de cada gatinho que chega até o projeto, estamos sempre buscando dar o melhor futuro que o ronrom possa ter, nos preocupando com o bem deles a longo prazo, procurando famílias responsáveis e amorosas, que vão dar ao ronrom todo amor que ele merece, o amor de uma família de verdade.

Hoje contamos a história do Lucca, um gatinho que foi resgatado ainda filhote, no fim do ano passado, junto com seus irmãozinhos e com sua mãe (dona Fefa). Lucca chegou bem pequenininho no Ronrom, foi crescendo e se soltando com o tempo, e logo conquistou o coração do Antônio e da Gabriela, que vieram hoje contar um pouquinho de como foi esse processo e como está sendo a nova vida do Lucca, que agora tem até uma irmãzinha chamada Mia:

“Olá pessoal, tudo bem? Tudo que podemos dizer sobre o Lucca é que ele trouxe muito amor, alegria e risadas pra nossa vida. Ele gosta muito de deitar na pia dos banheiros, caçar nossos pés na cama, miar alto para ganhar carinho na barriga e… ver televisão! Sim! Ele adora uma TV ligada. Ele fez uma maratona de Meu Gato Endiabrado e descobriu como contornar a brabeza da Mia.

Ta aí outra coisa que ele adora: provocar a Mia e comer os petiscos dela. Ela não fica feliz, mas depois de uma briguinha, ela enche ele de lambeijos e ele se derrete.

Sem querer estragar muito a carta dele, paro por aqui. Lucca, a palavra é sua!”

Cartinha do Lucca:

“Oi, eu sou o Lucca, mas meus humanos me chamam de vários nomes: Luquinha, neném, bebê, mano… Antes eu morava no Ronrom e era muito feliz com meus amiguinhos gatos, mas há pouco mais de um mês ganhei uma família só minha. Junto com meus humanos ganhei também uma irmã gato, a Mia.

Meu papai me contou que eles pensaram muito antes de me adotar, porque ao mesmo tempo em que que riam um companheiro para a Mia, eles também sabiam que ela era muito brava e não iria aceitar um irmão com facilidade, então eles tinham medo de trazer outro gatinho para casa. Foram muitos meses pensando sobre o assunto até que eles resolveram que ela precisava de companhia enquanto eles estavam fora trabalhando para comprar nossos sachês e decidiram me adotar!

Sabe, quando eu cheguei, ela não gostou nadinha de mim e deixou isso bem claro. Ela fazia cara feia para mim o tempo todo, mesmo quando eu não fazia nada! Mas tudo bem, eu entendo, até então ela tinha a casa e os papais só pra ela e ter que dividir tudo comigo deve ter sido mesmo muito estranho. Eu não me importei porque sabia que ela ainda ia ser minha amiga. Com o tempo e meu jeitinho meigo e brincalhão eu conquistei o coração da minha mana. Bom, pelo menos um pouco. Ela não faz mais cara feia pra mim, nós brincamos juntos e ela até me dá banho, mas eu não posso dar banho nela não, ela não gosta!

Meus papais me contaram que estão muito felizes com a nossa amizade e eu também estou. A gente ainda briga sabe, mas é normal, não é? Briga de irmãos!

Nos primeiros dias aqui na minha casa nova eu fiquei um pouco assustado, me escondia e não queria que meus humanos me pegassem no colo. Eles queriam me mostrar que eu podia confiar neles, então davam um jeitinho de me fazer carinho na barriga, eu ronronava alto e aos poucos fui me soltando.

Hoje minha mamãe fala que eu sou o reizinho da casa, o dono do pedaço. Brinco o dia todo, provoco minha mana pra ela brincar comigo, corro para lá e para cá, mio para pedir carinho e dou muito, muito amor para meus humanos! Em troca eu também recebo muito amor e carinho dos meus papais, ganho petiscos, brincadeiras e tudo mais que eu poderia querer!

É muito, muito legal ter uma casinha e humanos só para mim. Às vezes fico um pouco triste porque sei que alguns dos meus amiguinhos do Ronrom ainda não tiveram a sorte de ter uma família só deles, então eu rezo todas as noites junto com meus papais para que isso aconteça logo e eles sejam tão felizes quanto eu!

Lambeijos,

Luquinha”

Veja mais fotos do Lucca em sua nova casa, clicando em nossa galeria:

Se emocionou com a história do Lucca? Você também pode fazer parte de uma das nossas histórias com final de feliz! Conheça os gatinhos que esperam por adoção:
www.facebook.com/media/set/?set=a.461706333931819.1073741866.354952034607250&type=3

Quer adotar? Envie um e-mail para queroumronrom@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s