Perigos para gatinhos dentro de casa

Quem conhece a política de adoção do Adote um Ronrom já sabe o quão importante são as telas nas janelas para a gente. Elas ajudam a proteger os gatinhos de perigos da rua, mas é necessário que alguns cuidados sejam tomados para que eles estejam seguros também dentro de casa. Fiquem ligados em alguns dos perigos que podem estar presentes na sua casa.

 

 

 

Plantas Tóxicas
;As plantas são um ótimo modo de dar vida a cômodos da casa, mas algumas delas são tóxicas para os bichinhos e podem resultar em uma grande dor de cabeça. Se você perceber seu gato comendo alguma planta, fique atento ao seguintes sintomas: baba, vômito, diarreia, irritação na pele, falha nos pelos. Caso isso aconteça, leve-o imediatamente ao veterinário. O ideal é levar também uma amostra da planta ingerida.

 

Cabos Elétricos
;Muito cuidado com cabos soltos pela casa. Quem tem gato em casa sabe como eles gostam de brincar e morder os objetos mais simples, o que pode acabar ocasionando um acidente grave. Tente manter os cabos presos à parede ou fora do alcance deles.

 

Medicamentos
;O remédio errado é um perigo até mesmo para um ser humano, imagine o que pode fazer com um gatinho. Mesmo que você conheça alguém que deu para seu animal e funcionou, é muito perigoso dar medicamentos humanos para o bichinho. O medicamento errado é frequente causa de intoxicação podendo resultar em óbito. Procure sempre um direcionamento veterinário para tratar seu gato.

 

Gavetas, lixeiro, cestas de roupa
;É da natureza do gato ser curioso e entrar em qualquer canto em que caiba (ou até mesmo em que não caiba). Com isso é mais fácil que o pet acabe ingerindo alguma substância tóxica ou objetos perigosos. Armários sempre fechados e cestas com tampas pesadas são as formas mais fáceis de evitar esses perigos.

 

Alimentos
;Já falamos aqui no blog sobre o perigo do chocolate para os gatos, mas vale ressaltar. No intuito de agradar o bichinho ou sem conseguir resistir à carinha pedinte, muitos acabam oferecendo alimentos prejudiciais à saúde para o pet. Alimentos açucarados, café, cebola, uva, sementes e outros devem ser mantidos longe dos animais. O correto é alimentá-los apenas com produtos feitos para eles.

 

Outros
;Cuidado nunca é pouco com bichos tão curiosos quanto os gatos. Lembre-se sempre de cuidar com fogão aceso, objetos e líquidos quentes, objetos pesados que o gato pode conseguir derrubar, sacolas plásticas que podem vir a sufocá-los, linhas e agulhas… Enfim.  O cuidado que se teria com uma criança deve ser redobrado com os bichinhos.

 

Lembre-se: Qualquer sinal de que seu gato de indisposição de seu gato ou sintomas de intoxicação como vômito, diarreia e outros, deve ser avisado ao veterinário para evitar maiores problemas.

 

 

Fontes: resgatinhos.com.br, mulher.uol.com.brvetmangualde.blogspot.com.br, animais.umcomo.com.br, petvale.com.br

 

Imagem: climatologiageografica.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s