Cuidados com a higiene do gato

 

Sabemos que os gatos são animais bastante asseados e estão sempre se lambendo para manterem-se limpos. Mas sabia que podemos – e devemos – ajudá-los  com a higiene para que eles tenham uma melhor qualidade de vida?

 

E como é feito isso? Simples: mantendo cuidado com os pelos, com as unhas, com os olhos, com os dentes e com os ouvidos.

 

Pelos

 

 

A escovação frequente ajuda a deixar a pelagem mais bonita e brilhante, e é importante para remover os pelos mortos, evitando que o gato tenha problemas com as temíveis bolas de pelo. 

Aproveite na hora da escovação para checar se está tudo normal com a pele, se não há nenhuma ferida ou descamação.

 

Dica: Escovar sempre no sentido do crescimento do pelos, nunca o contrário. 

 

>>Leia também: os tipos de escovas para seu pet

 

Unhas

 

 

Gatos que vivem dentro de casa gastam menos a unha, por isso é importante que você tenha o hábito de cortá-las, pois unhas compridas podem ser prejudiciais para o bichano. Se as unhas estiverem muito grandes ele pode se machucar ou prender a unha em algum lugar, além de ser mais arriscado de você levar um arranhão também! Ah, arranhadores também ajudam a gastar um pouco as unhas do seu gatinho. 

 

Use sempre cortadores específicos para as unhas de gatos e, ao cortar, fique atento para o limite de corte que é a parte branca da unha. Se você cortar a parte rosada, vai sangrar e seu gato sentirá dor. 

 

 

Olhos

 

Os olhos do gato devem ser sempre limpos e brilhantes. Fique atento à presença de secreções, opacidade e vermelhidão.

 

Se notar a existência de remelas ou secreção lacrimal (problema comum em persas e himalaios), limpe com algodão seco ou embebido em soro fisiológico. 


;Qualquer sinal diferente, leve seu gato ao médico veterinário, pois pode ser sinal de alguma doença. 

 

 

Dentes

 

 

Com o tempo,
o tártaro se acumula nos dentes e pode provocar mau hálito e inflamação das gengivas. 


;Há produtos como sprays antissépticos e líquidos pra colocar na água que ajudam no controle do problema. Também é possível adotar o hábito da escovação dos dentes do seu gatinho, utilizando escovas e pastas de dentes específicas para ele. 

 

Em casos críticos é necessário levar seu gato ao veterinário para que seja feita uma limpeza de tártaro profissional. 

 

>> Leia também: Escovando os dentes do seu gato

 

Ouvidos

 

 

Sempre observe as condições do ouvido do seu gato. Veja se não há excesso de cera, principalmente de cor marrom escuro, que pode ser indício de otite. 

 

Faça uma higiene quinzenal das orelhas do seu gato com algodão seco. Nunca use cotonete, pois há risco de machucar o ouvido e ainda empurrar a cera mais para o fundo do conduto auditivo. Em caso de anormalidades, leve seu gatinho ao veterinário. 

 

E o banho?

 

 

Bom, gato não precisa de banho. Acredite, a língua dele é bastante eficaz para manter sua higiene. Mas, se por acaso ele se meter em alguma situação em que fique muito sujo e não haja outra alternativa, aí sim, pode dar um banho! Além disso, gatos mais idosos tendem a parar de se lamber. Por isso também é mais comum dar banho com água nos gatos velhinhos.

 

>> Leia também: 10 dicas para dar um banho mais tranquilo no seu gato

 

 

Fontes:  www.cachorrogato.com.brwww.saudeanimal.com.brwww.bolsademulher.com/pet,

gatinhobranco

 

Fotos: Jefferson Amorim, Catster, Safebee, Vicio de gato, Adote um Ronrom, Pets, Petscao

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s