A genética por trás da pelagem dos gatos

 

É verdade que gatos de três cores sempre são fêmeas?

Pode-se dizer que sim, já que para haver as três cores na pelagem é necessário possuir dois cromossomos X (XX). Em raros casos, por consequência de falha cromossômica, um gato macho pode ter dois cromossomos X e um Y (XXY) e neste caso pode ser um gato tricolor, porém será estéril. Estima-se que 99% dos gatos tricolores sejam fêmeas e 1% sejam machos.

Mas espera aí! Vamos primeiro explicar o que é genética, cromossomos, DNA, genes, tudo isso que define as características do gato.

 

Genética

 

É o estudo da hereditariedade. Ramo da biologia que estuda a forma como as características biológicas são transmitidas de geração em geração.

 

Cromossomos

 

Os cromossomos são os responsáveis por carregar toda a informação que as células necessitam para seu crescimento, desenvolvimento e reprodução. Localizados no núcleo celular, eles são constituídos por DNA, que, em padrões específicos, são denominados genes.

 

DNA

O Ácido desoxirribonucleico, comumente conhecido como DNA (do inglês deoxyribonucleic acid) é um complexo de moléculas que contém todas as informações necessárias para construir e manter um organismo. Ele também é a unidade primária da hereditariedade em todos os tipos de organismos. Em outras palavras, sempre que um organismo se reproduz,  uma parte de seu DNA é passada para os seus descendentes.

 

Genes

 

O gene é a unidade fundamental da hereditariedade. Cada gene é formado por uma seqüência específica de ácidos nucléicos (biomoléculas mais importantes do controle celular, pois contêm a informação genética. Existem dois tipos de ácidos nucléicos: ácido desoxirribonucléico – DNA- e ácido ribonucléico – RNA).

Alelos

São segmentos homólogos de DNA, formas alternativas de um mesmo gene e afetam a mesma característica de modo diferente. O alelo recessivo
é representado por letra minúscula, enquanto o alelo dominante, por letra maiúscula. São sempre representados por uma mesma letra.

 

Os genes controlam não só a estrutura e as funções metabólicas das células, mas também todo o organismo. Quando localizados em células reprodutivas, eles passam sua informação para a próxima geração.

Na reprodução, a fêmea passa para o filhote um cromossomo do tipo X e o macho pode enviar um X, dando origem a uma fêmea (XX), ou um Y, formando um macho (XY). Cada gato, portanto, tem um par de genes relativos à cor e esses genes podem ser do tipo dominante ou recessivo. “Para uma fêmea ter três cores ela precisa possuir um cromossomo X com o gene amarelo e o outro X com o gene branco dominante”, afirma a bióloga e doutora em genética animal Edislane Barreiros de Souza.

 

Agora sim podemos voltar a falar sobre a pelos dos gatos!

 

Então aqui vão alguns genes que controlam as principais características de cor dos gatos. Mas tem muitos outros ainda. Vamos lá!
;
;B – Preto x não-pretos  

 

O gene B controla a produção de eumelanina, pigmento que faz o pelo do gato ser preto. Ele vem em três alelos ou tipos.  O alelo B, que produz pelo preto, é dominante, o que significa que ele só precisa receber um alelo B, seja de mãe ou de pai, para ser preto. Os alelos recessivos do gene B, b e b’, produzem pelos de cor chocolate e canela, respectivamente.

 

 

A – Agouti x não-agouti

 

Este gene controla as listras na pelagem dos gatos. O alelo dominante A é o responsável por criar os padrões das listras, enquanto o alelo recessivo a faz todo o pelo nascer em cor sólida da raiz às pontas. 

 

 

T – Tabby x não-tabby

 

Se um gato herdar o alelo A, o gene T irá definir que padrão de listras que será produzida. Os alelo dominante T e o recessivo t irão determinar diferentes padrões de listras e manchas da pelagem.

 

 

D – Cor sólida x cor diluída 

 

O alelo dominante T produz gatos que são pretos, marrons ou laranjas. Já o alelo recessivo t produz cores mais pálidas como cinza (azul) ou creme.

 

 

S – Manchados x não-manchados

 

O alelo dominante S produz manchas brancas que mascaram a verdadeira cor do gato. Assim dão origem a gatos malhados, gatos com manchas no peito e nas pontas das patas. Esse alelo ainda produz gatos que são totalmente brancos, pois o pelo é uma imensa mancha branca. Já o gene recessivo s não produz nenhuma mancha branca. 

 

 

W – Brancos x não-brancos 

 

O gene W é conhecido como máscara, o que significa que, se o alelo W dominante está presente, o gato será branco de qualquer jeito. O alelo recessivo w possui traços de quaisquer outras cores. 
;Mas, e como saber se um gato branco tem o alelo dominante W ou um alelo dominante S criando uma grande mancha branca? O gato com o alelo W têm olhos claros ou laranjas, já os gatos com alelo S possuem olhos verdes ou amarelos.

 

 

Ah, e mais, sabia que o gato siamês possui um tipo de albinismo? Primeiramente, vou falar sobre o albinismo. O gene de albinismo é diferente do gene branco, ele tem a ver com uma enzima chamada tirosinase, que é um elemento fundamental para a produção de cor. Isso faz com que gatos albinos ou sejam 100% brancos e de olhos rosados, ou siameses, porém gatos siameses têm mutação na tirosinase, mas não são completamente albinos.

O que acontece com os siameses, e alguns outros gatos, é que a enzima que produz cor depende da temperatura do corpo. Então nas extremidades (patas, rosto, orelhas e rabo) o organismo produz mais cor e a região fica escura. No resto do corpo, que é mais quente, a cor é mais fraca.

 

E o seu gato, que genes você acha que ele possui?

 

Fontes: 

Info Escola
;Beco dos Gatos
;Eu quero Biologia
;Toda Biologia
;CachorroGato
;Mundo Estranho
;Catster

Gatinho Branco

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s