Como educar seu ronrom

Meu gato arranha os móveis:

 

Este comportamento é natural nos gatos. O ato de arranhar tem algumas funções como:

 

– renovar as unhas (elas “desfolham”, saem em camadas)

– para marcar território com odores e marcas visuais (existem glândulas entre as almofadinhas das patas que deixam um cheiro no local que é percebido por outros gatos)

– se alongar!

 

Você já deve ter percebido que as unhas dos gatos são retráteis, elas podem ser expostas ou ficar “embutidas”. Elas servem para defesa/ataque e permitem que os gatos se pendurem, como se elas fossem ganchos. Os gatos que têm vida livre, escalam e arranham troncos de árvores, cercas etc. Os gatos que vivem indoor também precisam arranhar alguma superfície. Se eles não têm outra alternativa, acabam arranhando os sofás, poltronas, colchas, cortinas…e arranhadores.

 

Se o seu gato arranha seu sofá e/ou machuca alguém com seus arranhões, existem várias alternativas para minimizar este problema:

 

– adquira um arranhador para gatos – disponível em pet shops – e coloque-o em frente ao móvel “castigado”. Brinque com seu gato junto ao arranhador, elogie-o quando usar, esfregue catnip até ele gostar muito do arranhador.  O arranhador deve ser longo ou pode ser “instalado” de cabeça para baixo, embaixo de uma mesa por ex. O ideal é que seu gato consiga alongar o corpo todo. Aos poucos, se quiser, mova o arranhador para outro local da casa.

 

– cubra temporariamente o móvel que seu gato arranha com um plástico ou com uma fita dupla-face. Ele vai detestar o contato com o plástico ou grudar as patinhas

 

– corrija-o quando arranhar uma superfície proibida (faça um barulho estranho, como um chiado, por ex.)

 

– mantenha as unhas do seu gato cortadas – ele não vai precisar gastá-las para renová-las e diminui o estrago nos móveis. CUIDADO PARA NÃO MACHUCAR SEU GATO !

 

– “capa para unhas” – ainda pouco conhecida, esta cobertura plástica é colada nas unhas, permitindo que o gato use-as normalmente, mas sem arranhar o móvel ou a pele. Nem todo gato aceita bem a colocação destas unhas, observe a reação dele antes de obrigá-lo a usá-las. Também pode ser necessário, pedir ajuda a um profissional experiente para aplicá-las corretamente.

 Meu gato faz as necessidades fora da caixinha:

 

Micção fora da caixa sanitária é um problema felino muito comum e que coloca o pobre gatinho “mijão” numa posição muito difícil: é equivocadamente acusado de “sujinho” ou “rebelde” e muitas vezes chega a ser abandonado pela família que não mais suporta os xixis pela casa. Continuar a brigar com o gato, colocá-lo de castigo ou borrifar o famigerado spray d’água não resolvem o problema.

 

Ao invés disso, que tal?

– verificar se seu gatinho não tem um problema urinário – procure um médico veterinário!

– tornar a caixa sanitária muito atrativa (para o gato, não para os humanos. Portanto: limpeza, areia fina e sem cheiro!)

– limpar os xixis espalhados pela casa de maneira efetiva

– tornar as áreas erroneamente utilizadas como “banheiro” pouco atrativas para micção (ex: posicione um belo porte de água ou cubra o local com papel alumínio!)

Em casos de marcação urinária (urina depositada em superfícies verticais!) utilize o feromônio sintético Feliway.

 Com paciência, dedicação, e persistência, conseguimos educar nossos felinos. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s